Frut Frios

MACARANI MOVEIS

MACARANI MOVEIS

quinta-feira, 19 de agosto de 2021

Operação Apólogo: PF desmonta quadrilha que criava pessoas fictícias e fraudou mais de R$ 4 milhões do INSS

 


A Polícia Federal (PF) e a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia deflagraram, nesta quinta-feira (19), a Operação Apólogo, que investiga uma organização criminosa que fraudava benefícios previdenciários e assistenciais na Bahia.

De acordo com informações da PF, os agentes cumprem 12 medidas judiciais, sendo seis mandados de prisão temporária e seis mandados de busca e apreensão, nas cidades de Milagres e Amargosa.

A fraude cometida pela grupo criminoso, que atuava pelo menos desde 2017 e criava pessoas fictícias, mediante documentos falsos, já supera a ordem de R$ 4 milhões, relativos a cerca de 50 benefícios suspeitos.

Os investigadores acreditam que os números muito provavelmente aumentarão com o avançar das investigações e a identificação de outras fraudes.

A maioria dos benefícios eram, conforme a polícia, de prestação continuada – BPC. Há fortes indícios de que o grupo criminoso possuísse conexão com outro grupo criminoso desbaratado pela Polícia Federal em dezembro do ano passado, na região de Jeremoabo, no bojo da Operação Cucurbitum.

Os envolvidos responderão por diversos crimes, dentre eles integrar organização criminosa, estelionato previdenciário, falsificação de documento público, uso de documento falso, dentre outros, com penas que, se somadas, podem chegar a mais de 25 anos de prisão.

Fonte: Itarantim Agora