Rede de Supermercado Frut-Frios

Rede de Supermercado Frut-Frios

MACARANI MOVEIS

MACARANI MOVEIS

quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

ITAPETINGA: FUNCIONÁRIOS DA CIRETRAN DE CONQUISTA SÃO PRESOS ACUSADOS DE FRAUDES EM VEÍCULOS

Dando continuidade à uma ação iniciada na tarde da última sexta-feira, dia 25, objetivando o combate a fraudes na emissão de documentos de veículos junto à 19ª CIRETRAN – Itapetinga, na tarde de hoje uma equipe da Corregedoria Geral do DETRAN-BA deteve no centro da cidade de Itapetinga os estelionatários GIVANILDO TAVARES SOUZA, vulgo 
“ÍNDIO”, de 37 anos de idade, e PABLO DEAN NOVAIS ANJOS SILVA, 35 anos, ambos procedentes da cidade de Vitória da Conquista,
Os elementos estavam em Itapetinga para receber os documentos de duas caminhonetes TOYOTA HILUX avaliadas em cerca de R$ 500.000,00 que haviam conseguido emitir de forma fraudulenta em 24/01/2019, utilizando de notas fiscais e vistorias falsas, contando com a conivência de funcionários da CIRETRAN e despachantes locais.

Após a detenção inicial e com o apoio da equipe da 21ª Coorpin, foi apreendido o veículo HONDA CIVIC de placa policial JQL-7676, que estava sendo utilizado pela dupla, no interior do qual foi encontrada farta documentação de veículos, que se suspeita tenham sido emitidos de forma fraudulenta, além de um NOTEBOOK, laudos de vistorias falsos e outros documentos utilizados na prática criminosa.
PABLO DEAN NOVAIS ANJOS SILVA foi identificado como funcionário do DETRAN-BA, lotado na CIRETRAN de Vitória da Conquista, valendo-se do cargo para acessar informações restritas utilizadas nas falsificações e também para facilitar o acesso a servidores de outras Unidades do órgão de trânsito, enquanto que GIVANILDO TAVARES SOUSA é ex funcionário do DETRAN-BA, atualmente sócio de um Centro de Formação de Condutores em Vitória da Conquista, e estava fazendo uso indevido da identificação funcional.

Providências

1. Lavratura do BO nº 19-00403
2. Apreensão de todo o material encontrado em poder dos conduzidos
3. Lavratura de APFD por crimes de Formação de Quadrilha
4. Representação pela decretação da prisão preventiva