quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

Brasil: Homem é internado com queimaduras de 2° grau após celular explodir no bolso da calça

Carlos Henrique Lopes Crespo, um roteirista de 49 anos, foi vítima de um acidente no último sábado, dia 08. Dentro do carro, conduzido por sua esposa, enquanto passavam pelo Elevado do Joá, na Zona Oeste do Rio, ele ouviu um barulho estranho e uma fumaça preta saindo da sua calça, na parte do bolso. Naquele momento, sem motivo aparente, o celular, um Samsung modelo Galaxy A5 comprado em 2016, teria explodido e lhe causou ferimentos nas mãos e na perna.

Carlos Henrique foi levado ao hospital para realizar os primeiros atendimentos e recebeu alta na madrugada de domingo (09), mas retornou no mesmo dia com febre alta. No dia seguinte, foi novamente à emergência retirar as bolhas formadas pelas queimaduras. Ele faz curativos diariamente em casa e aguarda a recuperação dos ferimentos.
O aparelho utilizado por Carlos Henrique tinha sido emprestado por sua mãe já que o seu apresentou defeito. Ele usava o celular há poucos dias e não percebeu nenhuma imperfeição ou falha técnica.

Me senti personagem de Fake News. A gente ouve essas histórias e acha que é historinha de WhatsApp. Não sei como vou lidar com celular a partir de agora. Estou assustado, disse Carlos Henrique.

Em nota, a empresa Samsung respondeu ao Jornal Extra sobre as providências que serão adotadas neste caso.

Segundo informações: representantes da empresa de tecnologia Samsung foram à casa de Carlos Henrique para constatar o fato.