SCHIN

SHOP DA CONSTRUÇÃO

SHOP DA CONSTRUÇÃO

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Grupo é detido tentando sacar cheque falsificado de R$ 68 milhões em Poções

Segundo delegada Alessandra Márcia informou os dois ofereceram uma propina de R$ 1 milhão para que a transação bancária fosse efetuada…
Um grupo foi detido na tarde dessa quarta-feira, 17, na cidade de Poções, tentando sacar um cheque na agência do Banco do Brasil local, na quantia de R$ 68 milhões. De acordo com uma nota divulgada pela 10ª Coorpin, o cheque de um órgão federal, nominal à Luiz Paulo Nascimento, era falsificado. Uma lista com nomes de empresas também foi apreendida com os suspeitos.

Segundo a delegada responsável pelo caso, dois suspeitos (André Veloso e Vandeli Souza dos Santos), foram presos pela PM dentro da agência e os demais no entorno do banco. Ao GIRO, a delegada Alessandra Márcia informou os dois ofereceram uma propina de R$ 1 milhão para que a transação bancária fosse efetuada.
Onze pessoas foram conduzidas até a delegacia pela PM, parte delas foi ouvida e liberada. Entre os conduzidos, quatro são de Ipiaú e dois de Itagibá. Os demais são de Jequié e Poções.

Na manhã dessa quinta-feira, apenas o empresário Antônio Marcos Costa, conhecido como Boy, ainda permanecia na delegacia. O GIRO foi informado por um dos homens detidos (já liberado), que Boy estava na cidade de Poções, acompanhado dos demais moradores de Ipiaú, para receber uma dívida do homem conhecido como Milton Mendes. “Na verdade Boy foi uma vítima e não sabia nada a respeito desse cheque. Ele estava lá apenas pra receber o dinheiro que Milton devia a ele. O próprio Milton já assumiu a culpa, na delegacia”, informou.

Ainda conforme o ipiauense, fotos deles na chegada ao Complexo Policial, e compartilhada nas redes sociais foram precipitadas. A delegada informou que os suspeitos vão responder pelos crimes de corrupção ativa e tentativa de estelionato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário