SCHIN

SHOP DA CONSTRUÇÃO

SHOP DA CONSTRUÇÃO

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Advogada filha de Macarani é condenada a dez anos de prisão por envolvimento com facção criminosa PCC.


CARLUSIA SOUSA BRITO - FOTO O GLOBO.
A Advogada, Carlusia Sousa Brito, natural de Macarani, foi condenada a dez anos e seis meses de reclusão por envolvimento com a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).
Em mais uma sentença proferida no âmbito da Operação Ethos, o juiz da 1ª Vara da Comarca de Presidente Venceslau, Gabriel Medeiros, condenou à prisão nesta quarta-feira (23) outros seis advogados acusados de envolvimento com a organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

Para cinco deles, a pena imposta foi de oito anos e nove meses de reclusão. Para uma advogada Carlusia Sousa Brito, a condenação foi maior, de dez anos e seis meses de reclusão.

O juiz negou a todos os réus condenados, que já estão presos, o direito de recorrer em liberdade. Além disso, a determinação da Justiça é para que o cumprimento da pena inicie-se pelo regime fechado. Todas as condenações tiveram como base a lei federal 12.850/2013, que tipifica o crime de organização criminosa.

Carlusia Sousa Brito, é natural de Macarani nascida no Distrito de Vila Isabel, onde reside a maioria dos seus familiares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário